51 3469-0011
FALE CONOSCO
51 3469-0011

Dicas de segurança

Quando chegar ou sair de casa, fique atento. Essas são as ocasiões mais propícias para roubos e seqüestros. Se desconfiar, aguarde, dê uma volta no quarteirão e chame a Brigada Militar pelo fone 190.

Não forneça dados pessoais por telefone e oriente os empregados para que façam o mesmo.

Nunca deixe uma mensagem em sua secretária eletrônica ou na porta de frente dizendo que você não está em casa.

Utilize timers na iluminação interna perto das janelas da frente e dos fundos, sempre com a cortina fechada.

Iluminação externa ligada o dia inteiro significa que você está fora da cidade. Utilize timers ou sensores fotoelétricos para acender as luzes quando escurecer e apagá-las quando amanhecer.

A maioria dos invasores estão procurando objetos pequenos, de alto valor e que possam ser convertidos em dinheiro (jóias, armas, relógios, objetos antigos, notebooks, etc).

Invasores escolhem residências vazias com fácil acesso, grandes quantidade de áreas cobertas, como jardins, por exemplo, e com as melhores rotas de fuga.

Muitos invasores não demorarão mais de 60 segundos para tentar invadir uma residência. Quanto mais ele tiver que trabalhar, menor a chance que você tem de se tornar uma vítima.

Nunca esconda suas chaves do lado de fora. Ao invés disto, dê uma chave extra para um amigo ou membro da família.

Troque as fechaduras quando se mudar para uma nova casa ou apartamento.

Instale um "olho-mágico" para visualizar visitantes antes de abrir a porta.

O ar-condicionado deve ser instalado nas paredes, ao invés da janela, para prevenir que sejam facilmente removidos.

Guarde escadas ou outros objetos que possam servir para o invasor acessar o segundo andar.

Esconda itens como equipamentos esportivos, churrasqueiras, bicicletas e aparelhos de jardinagem que possam chamar a atenção de invasores.

Mantenha a iluminação fora do alcance para que as lâmpadas não possam ser removidas ou quebradas.

A maioria das invasões residenciais ocorrem de dia, quando os proprietários estão no trabalho ou escola.